Gentoo Archives: gentoo-user-br

From: Ari Caldeira <listas-ari@×××××××××××××××××××××××.br>
To: gentoo-user-br@××××××××××××.org
Subject: Re: [gentoo-user-br] Lenda do Gentoo 2005.0 com instalador grafico
Date: Fri, 01 Apr 2005 13:37:05
Message-Id: 200504011037.00013.listas-ari@aquariusinformatica.com.br
In Reply to: [gentoo-user-br] Lenda do Gentoo 2005.0 com instalador grafico by Magno Torres
Em Qui 31 Mar 2005 18:48, Magno Torres escreveu:

> Era isso mesmo que eu queria, me alimentem :) > Não tinha rolado nem um flame na lista, tirei a virgindade desta lista > tão pura... > Agora vms nos ater a assuntos mais serios... > > > Alguem ai sabe se aquela estória de colocar um instalador grafico no > Gentoo 2005.0 vingou?! Ta la escondido ou coisa assim?! > Instalar o Gentoo na unha assim é otimo, mas se torna muito custoso > quando se pensa em instalar um parque de maquinas, poderia ser na unha > do mesmo jeito, mas ter jeito dele gerar um arquivo de configuracao, > onde aplicasse nas outras maquinas, seria otimo isso, não!? >
Oi pessoal, oi Magno, Estou usando o gentoo (e graças a Deus só o gentoo) a mais ou menos 1 mês. Finalmente consegui me livrar de ter uma partição Windows na minha máquina. O pouco que eu preciso do Windows (dou manunteção lá de vez em quando em alguns sistemas em clipper e delphi) eu uso o qemu, que é muito bom. Bom, vamos lá, aqui no escritório nós fizemos o seguinte, pra instalar em todas as máquinas sem ter que ficar recompilando tudo em cada uma: 1º faça uma análise de todas as máquinas em que vc quer instalar o gentoo, principalmente processador e chipset das placas-mães e de vídeo. No nosso caso foi fácil, só tem AMD na empresa :-) 2º pegue a melhor máquina que vc tiver, e crie uma partição de uns 5GB pra fazer a instalação. Se vc tiver pentium tb, cria 2 partições. Em cada partição, vc instala como se tivesse dado boot pelo cd, chroot e tal, e configura o make.conf com o march=athlon-xp ou march=pentium4. Mim gosta de stage1 com nptl e -mfpmath=sse, fica muito bom! :-) 3º instala tudo o q vc quer, eu uso uns scripts bem simples, pra instalar o básico, o X e depois o KDE (3.4 que aliás tb tá muito bom). Quando for compilar o kernel, eu ponho quase tudo como móduto, menos o suporte ao ext3 e demais partições, e também o chipset IDE das placas-mães. 4º tudo pronto, sai do chroot, dá um tar -cvjf na partição toda, que fica com um pouco mais 800 MB. Coloca esses arquivos no ftp do servidor, dá o boot nas máquinas pelo cd de instalação normal, particiona, dá um wget pra puxar o dito arquivo, ajusta o boot, o fstab, se precisar uma ajustada no kernel, e voilà, gentoo fácil em todas as máquinas. 5º Quando quiser fazer o emerge sync emerge -uD world, faz nas partições oringiais, e, ao invés de dar o emerge -uD world, dá emerge -uDb world, que ele vai criar os binários pra vc instalar nas outras máquinas. Isso é legal também quando a gente quer montar algum servidor pra cliente, já tem tudo meio pronto, é só descompactar, ajustar uma coisinha aqui ou ali, e já tá tudo funcionando blz, atualizado e tudo, mais rápido de instalar e pra rodar do que outras distros tradicionais pra servidor (sem flames plsplsplsplspls) Acho que é isso... Alguém mais faz essa loucura? []'s Ari Aquarius Informática -- gentoo-user-br@g.o mailing list

Replies

Subject Author
Re: [gentoo-user-br] Lenda do Gentoo 2005.0 com instalador grafico Jeronimo Zucco <jczucco@×××.br>